Um dia, um comerciante encontrou três homens que se lamentavam por mal ter o que dar de comer à família deles. Passavam necessidades e os filhos estavam mal-alimentados.

Sensibilizado, o comerciante quis ajudar os três homens e disse que daria a eles um saco com farinha, outro com pães e outro com sementes de trigo. O homem mais afoito foi logo pegando o saco com pães e correu para casa. O outro escolheu o saco com farinha e agradeceu, saindo apressado. O terceiro ficou radiante com o que lhe sobrou e disse:

— Estou feliz, pois sou o único dos três que não precisará mais voltar aqui.

Ou seja, foi o único que resolveu de vez sua situação e a dos filhos.

Quando falamos em comprometimento com a qualidade, com a melhoria contínua, falamos de algo duradouro, falamos de comprometimento. Comprometer-se é não pensar só no momento, mas levar aquilo a que se propôs até o fim. É como jogar sementes para depois colher.

É preciso educar as pessoas para uma nova forma de trabalhar. A adoção de novos hábitos de trabalho é um processo lento e gradual, que deve levar em conta a realidade da empresa. Vai exigir muita repetição e reforço positivo até que se alcance a mudança desejada.

*Sócio-fundador da Alliance Coaching, Alexandre Rangel compartilha histórias e lições de cooperação, liderança e motivação do seu livro O que podemos aprender com os gansos.

Exibições: 233

Comentar

Você precisa ser um membro de Alliance Coaching para adicionar comentários!

Entrar em Alliance Coaching

© 2019   Criado por Silvio Celestino.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço