Em momentos de contração econômica ouvimos histórias de pessoas que estavam bem há pouco tempo e, de repente, passam por uma séria crise pessoal. Perder o padrão de vida, por exemplo, torna-se um motivo de grande constrangimento, tristeza e muito estresse.

Não é fácil ter de fazer mudanças indesejáveis na vida, mas, o pior é o que vai acontecer com você se insistir até o fim em algo que não está funcionando.

O fato de um evento ter causado uma contração econômica violenta não significa que você é o culpado por não ganhar o mesmo que antes. O que também não quer dizer que você não precisa fazer nada e apenas aguardar as coisas melhorarem.

Procure refletir e a identificar ações que o auxilie a sair dessa situação de maneira inovadora. Não pense que conseguir mais dinheiro seja sempre a única solução. Pois, bancos, amigos e familiares podem ajudá-lo, mas, se você não gerir sua vida de maneira diferente, não conseguirá pagá-los no futuro. E o auxílio pode se transformar em uma dor de cabeça maior ainda.

Portanto, seja brutalmente honesto ao analisar sua situação. Essa crise, de fato, é passageira para seu mercado, empresa ou carreira? Ou, é um fim definitivo e você precisará tomar medidas para mudar de rumo?

Outras pessoas, como os gestores de sua empresa, podem ter tomado decisões que tenham tornado a crise mais aguda. Há também o contexto do país provocado pela inépcia e escândalos de corrupção no governo federal.

Entretanto, você deve saber qual é a sua responsabilidade na situação e mudar. Talvez você tenha demorado a tomar uma decisão importante. Por exemplo: cortar custos drasticamente em sua família, aprender a ver sinais de que sua empresa, mercado, ou carreira não tinham futuro; acreditar que o mundo nunca iria mudar, ou deixou-se seduzir pelo sucesso e isso provocou o orgulho que causou sua ruína.

Seja qual for o seu caso, deve focar o futuro. Você precisa acreditar que vai sair dessa. Não pense somente no curto prazo, pense em dois, cinco, ou dez anos. Assim como no futebol não existe chute que vale 2 gols, você tem de reverter a situação de maneira persistente e paciente. Pode ser que tenha de mudar de área, reorganizar totalmente sua vida antes de voltar a crescer.

Essa experiência poderá ser muito dura, mas não a perca se lamentando. Ela pode servir para aprimorá-lo, e ser uma oportunidade de reconstrução mais sólida para enfrentar o futuro. Não a desperdice culpando o mundo, as pessoas bem-sucedidas do momento ou a vida. Veja como uma oportunidade de vivenciar uma história que poderá servir de inspiração para as gerações futuras. Pense diferente, abra-se para novas possibilidades e persevere.

Vamos em frente!

Para trocarmos ideias no facebook: Silvio Celestino

Para me seguir no Twitter: @silviocelestino

Exibições: 328

Comentar

Você precisa ser um membro de Alliance Coaching para adicionar comentários!

Entrar em Alliance Coaching

© 2019   Criado por Silvio Celestino.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço